Cárie é Inevitável!

Há muito tempo (nem tanto) :), quando eu ainda nem considerava a ideia de ser dentista, eu também pensava assim. Todo mundo tem cárie. Quem não tem, terá. Quem já teve, terá de novo. A maioria das pessoas vão ao dentista para contar o número de cáries que possuem e fechar os buraquinhos.

Se já faz um tempo da sua última visita ao dentista, você certamente tem uma cárie ou duas, certo? Pode ser. Mas pode não ser. E aí, quando não é, o cara se sente “o sortudo”.  Porém, ter ou não uma cárie não é SÓ uma questão de sorte. É mais uma questão de esforço, disciplina e técnica de higienização bucal adequada.

A cárie é um buraco que aparece no seu dente. Sim, é. Mas até ele aparecer, muita água rolou debaixo da ponte… ou debaixo do esmalte do seu dente. Quem é dentista com certeza já ouviu no consultório seu paciente reclamando de algum colega que fez “um buracão” onde só tinha um “buraquinho”, algo do tipo “eu fui no dentista do postinho pra tirar uma cárie pequenininha e ele desgastou meu dente inteiro”. Caros pacientes, isso não existe. Não há benefício algum nem pra você nem para o profissional de Odontologia em remover mais tecido do seu dente do que o necessário. O que acontece é que uma cárie pode parecer pequena por fora, mas ser enorme por dentro.

Deixe-me explicar de maneira simples como é que uma cárie se forma. A cárie é resultado da desmineralização dos tecidos de um dente por ação de ácidos provenientes do metabolismo bacteriano. Oi? Tá, essa não foi uma maneira simples. A maneira simples (e nojenta) vem agora: cárie é o tecido do seu dente derretendo por causa do cocô da bactéria :). Pelo menos é assim que a gente explica pras crianças

Os dentes são compostos de 3 partes principais: esmalte (a parte que brilha), dentina e polpa (a parte que dói, o “nervo”). Quando a sua boca se torna um ambiente muito ácido, o esmalte, que é a parte mais externa, e a dentina, que está logo abaixo do esmalte, são atacados de forma pontual e começam a desmineralizar, ou seja, amolecer. Só que às vezes aparece só um furinho no esmalte, por onde a invasão começa, e lá dentro da dentina a coisa fica feia. Sabe aquele dente que surpreendentemente se quebrou enquanto você mastigava uma folha de alface? Ele parecia inteirinho por fora, mas por dentro…

Por isso é tão importante manter a higiene bucal em dia, pra evitar que a sua boca se torne um ambiente favorável ao ataque bacteriano. Quando você escova os dentes, você “bagunça” a casa das bactérias, e elas têm que se organizar novamente pra poder atacar. E isso leva tempo. Quando elas estão prontas pra vingança, você escova os dentes novamente. Não há bactéria que aguente!

É normal ter bactérias na boca, não fique desesperado! Acredite, não há necessidade alguma de bochechar antissépticos bucais ardidos para que 99,9 % dos germes da sua boca entrem em coma alcoólico :). Muitos deles não fazem mal pra você, deixe eles lá, coitados! Mas existem alguns tipos de microrganismos diretamente responsáveis pelas cáries, e o vilão mais famoso da gang é o Streptococcus mutans. Safado.

Nunca se esqueça: uma cárie não tratada pode levar a um tratamento de canal (se a cárie chegar na polpa) e até à perda do dente! Mas, não desanime. Não há nada que uma escovação correta (e prévia!) não resolva… :)

É importante lembrar que, ao contrário do que uma famosa fabricante de produtos de higiene bucal prega, não existe proteção completa durante 12 horas. Você provavelmente fará um lanche em menos de 12 horas após a sua mais recente refeição, não?! Pois é… se comeu, escove os dentes e tire o sossego dos microrganismos que moram na sua boca. Não tem mágica… É GUERRA!

Tem um vídeo bem bacana sobre como a cárie se forma aqui. (em inglês)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

No Plantão: Ana Tokus

Cirurgiã-dentista graduada pela Universidade Federal do Paraná, especialista em Radiologia Odontológica e Imaginologia pela ABO-PR, convicta de que medo de dentista se combate (também) com informação. Diva-Boss do OdontoDivas e administradora da OdontoPédia. Twitter: @AnaTokus e @medodedentista Veja todos os posts de Ana Tokus
Postado em: Dentística | Marcadores: , ,

6 trackbacks

Anestesia Geral no Dentista | Medo de Dentista
30 de março de 2011 às 1:39 pm
Você Tem o Gene da Cárie? | Medo de Dentista
12 de abril de 2011 às 8:32 am
O Dentista do PostinhoMedo de Dentista | Medo de Dentista
16 de abril de 2011 às 2:10 pm
A cárie | DicasOdonto
4 de maio de 2012 às 10:50 am
Beijo transmite cárie? | Dentista
13 de abril de 2013 às 1:55 pm
Prevenção, Diagnóstico e Tratamento 21Renata Pinheiro | Renata Pinheiro
28 de janeiro de 2014 às 6:59 pm

45

  1. >Guerraaaaaaaaaaaa !!! =P

  2. >No início, os dentes de leite. Eles ficam por um tempo, amolecem, caem e dão lugar aos permanentes. Eles ficam cariados, são extraídos um a um e dão lugar à protese parcial e, depois, à prótese total. FIM! Já pensou se ainda vivêssemos essa realidade?!?!?

    Vale a pena entrar nessa guerra. Basta a escova e o fio dental como armas. E disposição para lutar diariamente. Mas a vitória é certa!

    Parabéns pelo post, Ana!

  3. >É guerra declarada!!!!!
    bjs

  4. >Visitei o seu blog hoje, pela 1ª vez!
    Sou estudante de Odontologia, estou no último ano.
    Realmente você tem o dom de ser "blogueira" e, além do mais, sabe "traduzir" o conhecimento científico de maneira simples e com linguagem adequada ao público em geral!

    Parabéns! =)

  5. >Parabéns pelo post!
    Auto-explicativo e claro!

  6. >Fabrício… porraaaaaada! :D

    Tio, ainda bem que as coisas estão mudando, né!? Obrigada pela presença, sempre. :)

    Kellen… porraaaaaada! :D

    Anna, valeu pela visita. Espero que volte sempre! Você entendeu exatamente a proposta do blog: simplificar a Odontologia para o público leigo… e, se possível, fazer os colegas darem risada. :P Abração!

  7. >Muito bom o texto, obrigado pelo link.

    :D

  8. >Tecido amolecido pelo coco da bactéria foi ótimo!! Eu sempre explicava pras crianças que era o xixi delas… e elas já achavam nojento!!

    Mto bom o post!!! Parabééns!

  9. >Aquela do dentista fazendo buracão onde tinha buraquinho me lembrou da "calda de andorinha" (?) (EXTENSÃO PREVENTIVA) na odontologia dos anos de mil novecentos e CeliaRegina… Pra quem não sabe, era o preparo para amalgama, em molares, que abrangia todos os sulcos porque diziam: Se vc teve cárie aqui, vai ter ali :(
    Que bom que este tempo passou.
    Parabéns Ana, e é exatamente assim que eu explico só que falo em xixi. Parece menos nojento rsrsrs
    Sei que é radical, mas tenho uma máxima: "Cárie é a única doença completamente evitável".

  10. Olá Ana, vim parar no seu blog e tenho uma grande dúvida: eu escovo meus dentes depois de comer qualquer coisa, passo fio dental e enxaguante bucal todos os dias à noite, e mesmo assim, pelo menos uma vez a cada 2 meses tenho uma cárie. O que eu faço? Já falei com a minha dentista e ela disse que talvez eu tenha uma predisposição….mas então tipo é isso? Não tem jeito? Socorooooooooo
    Obrigada!

    • Izabel, pode ser que você tenha uma predisposição sim. Recentes pesquisas apontam a existência do Gene da Cárie, que traria, ao seu portador, maior chance de desenvolver a doença. Mas mesmo possuindo o gene, quem mantém uma higiene bucal adequada consegue driblar o problema. Será que você não está errando na técnica de escovação? Ou mantendo uma dieta muito cariogênica (rica em açúcares)? Precisamos avaliar melhor o seu caso em específico pra tentar identificar o motivo!

  11. Tenho pontinhos pretos em alguns dentes e a minha dentista me disse que se nao regredirem talvez seja preciso abrir esses dentes. O que sera que ela quis dizer? Abrir como? Sera que esses pontinhos vao virar caries? Sei que devia ter perguntado isso a ela tambem, mas nao consegui.

    • Talvez sejam cáries em estágio muito inicial ou sulcos escurecidos que a sua dentista acredita que podem levar você a ter cáries “escondidas” (pois os resíduos alimentares entram nesses sulcos e é muito difícil de remover na escovação). Aí o dente parece normal por fora e pode ter cáries grandes por dentro.

  12. Dr(a), meus dentes estão muito cariados, tanto os os de cima quanto os de baixo, ainda tenho dois buraquinhos em dois dentes. Qual procedimento devo fazer?
    Pois não quero arrancar meu dentes.

    • Brendo, a primeira coisa que você dede fazer é procurar um dentista pra avaliar. Só assim é possível saber a extensão dos danos e, portanto, o tipo de tratamento. Mas fique tranquilo, quando o problema se limita à cárie, geralmente o tratamento é removê-la e restaurar o dente. Não deve ser caso para extração.

  13. Oi doutora, antes de mais nada quero dizer que respeito seu trabalho pois é SUPER complexo e dificil, parabéns por entender! Eu tenho 13 anos e meu dente ta com uma pontinha marrom, isso me deixa extremamente preocupado pois, tenho medo de canal, quero saber se é carie? Quero saber se eu escovar diariamente pode “pausar” o agravamento da carie caso seja realmente uma carie, quero saber tambem o que é canal dentário, minha prima fez um desse ai e o dente dela ficou com uma superfice reta sem as partes do lado do dente, sem a “moldura” do dente como o real, não entendo, obrigado e mais uma vez parabens.

    • Shura, obrigada pelo reconhecimento. Fiquei muito feliz, de verdade. :)
      Nem sempre uma mancha no dente é cárie. Pode ser simplesmente uma mancha ou pode ser uma cárie que remineralizou (regrediu). Pra saber, só examinando você. Sendo uma cárie, se ela for superficial é possível sim “pausá-la” e até fazê-la regredir… o flúor da pasta de dente serve exatamente pra isso: prevenir e fazer regredir cáries em estágio inicial. Sobre o tratamento de canal, você pode entendê-lo aqui: http://medodedentista.com.br/2010/10/cqdm-03-o-tratamento-de-canal.html . O tratamento de canal, por ser algo feito na parte de dentro do dente, não costuma modificar a sua superfície externa. O que faria isso seria uma cárie ou uma fratura.

  14. Olha doutora, obrigado muito muito mesmo de coração ! Fiquei mais tranquilo, você é demais, parabéns pelo site, sempre tiro minhas duvidas aqui =D

  15. Oi de novo. Algumas perguntas:

    Uma cárie “pequena por fora e grande por dentro” provoca dor?

    Uma pequena mancha preta nos sulcos de um dente significa cárie?

    • Geralmente, provoca. Mas depende da pessoa… tem gente em quem a cárie chega a atingir o canal sem provocar dor alguma. Não, sulcos escurecidos nem sempre são cáries, pode ser apenas pigmentações resultantes da alimentação, de bactérias cromatogênicas, etc.. Nesse caso, não há necessidade de tratamento. Veja esse texto: http://medodedentista.com.br/2011/09/pontos-pretos-nos-dentes-isso-e-carie.html

  16. Dra. Eu adoro esse site. Bom, eu tenho aparelho mas estou ha muito tempo sem ir ao dentista por conta de problemas. Tenho 16 anos, e estou com minhas primeiras 2 cáries. Estou preocupada pois um dente esta com um mancha preta com um buraquinho, e o outro, está tipo que aberto, mas nao sinto dor, só quando como algo muito doce e nao retiro direito. Me ajuda? Estou com medo de ir ao dentista!

    • Larissa, se você tem 16 anos e só agora “experimentou” suas primeiras cáries, é porque a sua higienização deve ser muito boa… parabéns. Dessa forma, creio que essas cáries, pela sua descrição, não devem ser muito grandes… então seria apenas necessário removê-las e restaurar os dentes. Não há motivo nenhum pra ter medo! Confie no seu dentista, ele está lá pra te ajudar.

  17. Fui ao dentista e ele examinou minha boca, e fez restauraçoes em 2 dentes, mas existem 2 dentes da frente que estão com uma manchinha marrom e quando eu passo o palito eles estão com uma pequena profundidade bem pouco mesmo, mas ele examinou e não falou nada sobre eles, e tem outros dois de tras, que estão cheio que pontinhos pretos e marrom, e tambem não precisou restaurar, uso aparelho, e agora? Eu tenho certeza que é carie :( porque não sai e tem uma leve profundidade, bem pouco msm.

    • Paula, eu acho que se o seu dentista viu e não se preocupou a respeito, não deve ser cárie. Nem toda mancha ou depressão nos dente é cárie. Mas, se você tem dúvidas, chame a atenção dele para as manchas e peça que ele reavalie.

  18. Olá, meu nome é Luiza tenho 16 anos e estou com alguns problemas. Tive duas cáries nos pré molares direitos (os dois) um eu fiz obturação, o outro o dentista deixou aberto e desde então eu não fui mais (faz um ano e meio) e duas semanas pra cá comecei com umas bolinhas brancas atras de onde está nascendo o siso e parece que as ‘bolinhas’ estão aumentando e começou no lado esquerdo da boca também. Pode ser alguma infecção causada pelo dente que não sofreu obturação? Eu fui em um médico e ele disse que era placa na garganta e passou antibiótico (a garganta estava doendo) mais as bolinhas brancas não sumiram da boca e hoje comecei com uma dor no pescoço do lado direito onde está o dente que não foi tampado, o que pode ser isso?
    Obrigada!

    • Luiza, até pode. Mas me parece que tem mais a ver com a garganta, mesmo. De qualquer forma, não é nada bom deixar esse dente aberto. Procure um dentista nem que seja pra limpar e fazer um curativo. Isso já protege você, pelo menos temporariamente, de uma infecção.

  19. Amei seu artigo, muito informativo e divertido, fui ao dentista hoje e descobri que estava com tres caries em estagio inicial, faceis de tratar pelo que ela disse, e espero que seja mesmo, esse texto me estimulou mais a cuidar da minha higiene bucal, portanto obrigado ^^.

    • Obrigada Giovani, então já valeu eu tê-lo escrito. :)

  20. Dra. aos 36 anos fui a primeira vez a uma dentista indicada por um amigo por estar com sangramento na gengiva. Meus dentes eram naturais e nunca senti nada! Na primeira consulta, a mesma me disse que eu estava com 14 caries que precisavam de tratamento e por isso o sangramento em minha gengiva, que era somente de um lado! Terminei permitindo fazer 14 restaurações pois só após tê-las feito, fui me informar e tratava-se de gengivite e placa bacteriana em virtude de nunca ter visitado o dentista. Hj tenho 38 anos e me arrependo pois entendo que ela estragou meus dentes pois fui em outro profissional e o mesmo me informou que minhas caries, se haviam, eram tão rasas que não precisavam de tantas restaurações. Enfim, caries na minha idade há necessidade de restauração já que progridem bem menos após os 30? Devo me sentir tão mal por sempre ter tido dentes naturais e agora ter 14 com obturação?

    • Marcelo, não sei dizer se você tinha, realmente, 14 cáries. Mas, pelo seu relato, também não tenho motivo pra duvidar. Sangramento gengival realmente é um sinal clássico de gengivite, mas isso não quer dizer que os dentes que você restaurou não tivessem cáries. Cáries, sendo rasas ou sendo profundas, na sua idade ou em pessoas mais novas / mais velhas, precisam de restauração sim! Seus dentes não estão estragados, pelo contrário… eles são totalmente funcionais. Entendo a sua “tristeza” por agora ter restaurações, mas se elas eram necessárias, tinha que ser assim. Não se sinta mal, não há razão pra isso.

  21. Olá doutora, novamente. Devo dizer que tem dado uma ajuda excepcional para me acalmar, já que sou uma TREMENDA paranóica no que diz respeito a doenças ou tudo o que possa afetar a minha saúde. Sou aquela menina que tem um dente com uma restauração provisória num dente que estava extremamente cariado, medicada com antibiótico e anti-inflamatório e que, possivelmente, vai precisar de desvitalização. Ora, o que se passa é que o médico disse que logo que sentisse muita dor ir a correr para o consultório com qualquer médico fazer a desvitalização… mas, o problema é que não me falou nada sobre manchas no dente… e como eu sou muito paranoica olho sempre para o dente todos os dias e agora reparei (é o meu primeiro pré-molar que surgiram na parte da frente do dente umas manchas que parecem “nodoas negras”, e não sei se essa é umas das razões para ir a correr para o médico?

    Será que me pode esclarecer o que são estas manchas?

    Obrigado pela sua ajuda.

    • Inês, alteração na cor de um dente (escurecimento) pode ser sinal de necrose pulpar (“morte” do nervo do dente). Mas não tenho como afirmar que se trata disso, só examinando pra dizer ao certo. Se for o caso, será preciso tratar o canal.

  22. Bom dia, doutora Ana,

    Estou com uma dúvida acerca de dor de dentes. Já se falou de dor de dentes por causa de sensibilidade, cárie, infeção, abscesso… Eu ontem senti uma dor assim latejante e chatinha no meu último molar. Não era impossível de aguentar, mas chateava. Tomei ibuprofeno e coloquei pasta no dente (tinha ouvido falar que ajudava). Aí doeu um pouco mais, mas depois passado um bocado passou. Durante a noite não doeu mais, hoje já comi e lavei dentes e escovei bem essa parte e não senti nada… Não inchou, não tem pus, não tem alto… Eu amanhã de manhã vou de férias e hoje estou a preparar as coisas em casa para me ir embora… É urgente ir ao dentista? Alguma coisa grave? Ou posso esperar e ir só no sábado, porque lá onde tenho casa de férias tenho dentista e o meu cá onde moro está em férias e tudo e nem sei se há vaga…

    Obrigado por toda a ajuda que tem dado a todos.

    Cumprimentos

    • Bruno, dor espontânea nunca é bom sinal. O ideal seria procurar um dentista antes de viajar, até pra que esse dente não incomode e atrapalhe as suas férias. Mas também não dá pra afirmar que, se você esperar até sábado, vai ter problemas (até porque hoje já é quinta). Enfim… se você acha que dá pra arriscar… ;)

  23. Quando fui fazer a restauração, o dentista falou que se eu sentisse alguma dorzinha era pra eu falar para ele… Ok, ai eu comecei sentir um desconforto e dor, ai levantei a mão para indicar que estava sentindo dor, inves dele aplicar anestesia, ele continuou e foi ate o final… ai agora quando como fico sentindo a mesma dor que eu sentia quando ele estava fazendo a restauração e isso me incomoda muito, fui ao dentista falei que achava que eu estava com cárie, ate porque em cima do dente tem uns pontinhos pretos… enfim, coloquei aparelho e agora fico sentindo essa dor, O QUE PODE SER?

    • Luana, certa sensibilidade após a confecção da restauração é um sintoma bastante comum. Geralmente essa sensibilidade dura alguns dias (até 1 mês) e se resolve sem problema. Se persistir mais que isso ou se a dor aumentar, procure seu dentista pra reavaliar.

  24. Olá, gostaria de fazer algumas perguntas que podem parecer bobas mas iriam me solucionar muitas dúvidas. Gostaria de saber se qualquer “pontinho” escuro na parte superior do dente já pode ser considerado cárie, tenho dois dentes com “pontinhos” minúsculos e estou com receio de ser cárie. E eu sinto dores ao pressionar o dente em direção a gengiva, será que pode ser cárie ou é algum tipo de sensibilidade (não é o dente com o “pontinho”). Desde já agradeço. Obrigado.

    • Não, nem todo ponto preto nos dentes é cárie… pode ser apenas algum tipo de pigmentação. Falo sobre isso aqui –> http://medodedentista.com.br/2011/09/pontos-pretos-nos-dentes-isso-e-carie.html .

      Dor ao pressionar o dente pode significar um problema nos tecidos em volta dos dentes ou até um problema de canal. Pode ser simplesmente algo passageiro, também. Por isso o ideal é procurar um dentista pra avaliar.

  25. Ola dra. Achei seu blog por acaso e vou aproveitar para tirar uma duvida. Fui a minha dentista fazer uma profilaxia e ela disse que eu tinha cárie e tinha q fazer isso. So q ja havia feito uma outra profilaxia ha cerca de um mes antes e ela nao diagnosticou nada. Somente no dia 10 de janeiro, segunda profilaxia, ela foi dizer q tinha. Eu ira fazer so que eu tive uns gastos a mais no fim de ano ne e tals. Achei ate um pouco estranho, pois no msm dia coloquei o aparelho na parte de baixo e a outra dentista (dona do consultório) nao falou nada, tanto q olho e nao viu nada, fui a outra dentista que me falou q tinha q fazer e pediu 150 r$ por dente!!!! Essa semana voltei ao consultório e ja tinha outro dentista la. Ele me disse que nao necessitava fazer, pois nao tinha cárie nenhuma. Ate levei um susto quando ele disse q nao existia carie, no entanto ja tinha diagnostico de outras duas dentistas. Eu ate pedi pra ele se ele tava falando serio, ele disse q tava e q nao existia carie, e sim um recuo da gengiva por causa da escovação. Minha duvida é o que é realmente essa manchinha, mas nao tenho sensibilidade nos dentes. O que poderia ser? Devo ir em outro dentista?

    Ps… tambem tive medo de restaurar e os dentes ficarem piores, pois restaurei tres dentes com a primeira dentista e me doem quando como algo, ex. carnes.

    • João, sem examinar você não tenho como afirmar se você tem cáries ou não. O fato é: nem toda mancha em um dente é cárie… ás vezes, é só uma mancha, mesmo. Eu acho que você precisa decidir em quem vai confiar, afinal você tem a opinião conflitante de 3 dentistas. Muitas vezes é apenas uma questão de protocolo, alguns dentistas preferem acompanhar periodicamente pontos escuros e manchas nos dentes pra ver como eles vão se comportar e outros são mais “diretos” e preferem restaurar logo. Outros fatores precisam ser considerados nessa tomada de decisão, também, como os hábitos do paciente (higiene, alimentação).

  26. Bom dra., minha alimentação e fraca em calcio. Ele falou hj quando fui fazer manutenção q era descalcificação. E q carie msm nao tinha nada, nao haveria necessidade de restaurar.

  27. Dra, ha um mes fui no dentista, ela obturou o q precisava e falou q estava ok. So q ao ver no espelho com uma luz, vejo q tem varias manchas com uma leve cavidadezinha, quando coloca a agulha em cima. Sera q é carie e o dentista nao falou nada?

    • Se há cavitação além das manchas, pode ser cárie, sim. Chame a atenção do seu dentista e peça pra ele verificar.

  28. Quanto tempo de vida tem um dente restaurado, trocando quando precisar, pois tenho muito medo de perder os dentes cedo.

    • Carlos, dentes restaurados podem permanecer em boca pela vida inteira da pessoa. Resinas precisam ser trocadas periodicamente (a cada 5 anos mais ou menos), já amálgamas (as metálicas) podem ficar “pra sempre”, dependendo do caso.

Comente ou pergunte!

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*


Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>